A rinite alérgica e o Ayurveda

Condição muito comum para quem vive nos grandes centros urbanos, a rinite alérgica pode ser tratada com mudanças nos padrões mentais, emocionais e nos hábitos de vida de acordo com o biótipo e a estação do ano no local onde se vive.

Quando falamos de hábitos diários incluímos aí um dos pilares da Medicina Ayurveda: a dieta. E faz toda diferença, pois sabemos que certos alimentos são mais propensos a produzir muco. São estes os alimentos frios, oleosos e pesados.

Sabemos que a cura efetiva de qualquer desordem requer um tempo de tratamento com acompanhamento de um terapeuta qualificado, porém na rinite alérgica podemos observar algumas práticas que minimizam o surgimento de crises no dia a dia, são elas:

1. Reduzir o consumo de alimentos industrializados, que podem estagnar o organismo.
2. Usar raspador de língua após a escovação matinal dos dentes para remover resíduos acumulados que obstruem este importante órgão sensorial e digestório.
3. Ingerir gotas de mel de abelhas cru (aquele que não passou pela pasteurização), preferencialmente longe das refeições, pois este é um alimento que necessita ser metabolizado sozinho.
4. Evitar o consumo de leite de vaca industrializado, que contém uma dezena de quimiotóxicos alergênicos.


Um comentário:

Clauky Boom disse...

muito esclarecedora a matéria, com uns toques bem legais.